Pesquisar este blog

Eu comprei esse livro em 2011 na pré venda porque eu fui no lançamento dele em Campinas, mas eu acabei postergando a leitura e só agora no embalo do desafio literário que tive coragem de tira-lo da estante, era para ter lido ele no mês passado, mas foi um mês corrido e cheio de ansiedade e acabou ficando pra depois, como eu não queria deixar nenhum tema do desafio para trás eu resolvi ler agora.



Informações do Livro:

Título originalO Caso Laura
Autor: André Vianco
Editora: Rocco
Data de lançamento: 2011
Número de páginas: 270

Sinopse:
"O Caso Laura" conta a história de um detetive particular contratado para investigar os encontros que Laura mantém com um homem misterioso. Inicialmente, as gravações das conversas da protagonista com o estranho não revelam nada de espetacular; mas quando o investigador passa a seguir o enigmático sujeito, revelações conduzem a narrativa para o desfecho. 

Resenha:
Deixando os vampiros de lado, nessa trama Vianco nos traz muito suspense, romance e reflexão, o livro vem com um "q" de roteiro cinematográfico, com personagens com vidas diferentes, no entanto ligados de certa forma.

Laura é uma mulher na casa dos 30 com uma história de dar pena, um passado recheado de perdas e decepções, ela trabalha com restauração junto com sua amiga Simone e todos os dias se encontra com o estranho Miguel na praça para desabafar sobre seus problemas e encontrar forças para se manter viva e esperando que seu pai que está em coma se recupere algum dia.


Laura era uma mulher perdida num mundo perdido, só isso.

Marcel um detetive particular é contratado por um cliente misterioso para investigar Laura e descobrir quem é seu misterioso amigo, apesar de todo o enigma envolvendo o contratante e o caso, Marcel acaba aceitando o caso, mas ele não sabia que se envolveria com Laura.

Alan é outro personagem intrigante, um policial justiceiro, que perdeu sua mulher por culpa de um traficante e agora dedica sua vida a eliminar todos os chefes do tráfico da cidade, ele se tornou uma pessoa cheia de rancor, que só pensa em vingança e acaba cometendo erros de julgamento durante sua jornada, que o leva a fazer absurdos.

O livro vem com uma carga reflexiva enorme, tratando de forma aberta a depressão e os extremos que ela leva, os personagens nos são apresentados aos poucos, detalhes de suas histórias são fornecidos de forma bem interessante já no estilo clássico do autor, o mistério está presente em cada paragrafo, tornando impossível deixar o livro de lado por muito tempo. 

Diferente do que muitos disseram no lançamento do livro, André Vianco não abandonou o sobrenatural nessa obra, mas não vou falar muito disso se não terei que soltar muitos spoilers.

Em capítulos curtos e cheios de ação,  André Vianco fala sobre a realidade de forma chocante, sobre os dramas vividos diariamente pelas pessoas e nos faz pensar que muitas vezes julgamos nossa dor como maior que a de qualquer outra pessoa, porque somos egoístas demais para pensar que todo mundo passa por dias ruins, mesmo aqueles que aparentemente foram agraciados e parecem felizes o tempo todo.

Eu fiquei um pouco descontente com o final, embora ele tenha sido até que um "Final Feliz" eu esperava mais, foi bem surpreendente, não foi nada do que eu imaginei, fiquei até sem reação quando acabei o livro, senti vontade de ir lá em Osasco e confrontar o autor e enche-lo de "por quês?", mas depois refleti um pouco e me conformei.

Um ponto muito forte que eu não posso deixar de citar mesmo já tendo me alongado demais nessa resenha, é a linguagem usada pelo autor, os elementos dispostos, todos bem conhecidos por nos brasileiros, gírias um pouco antigas, mas que não fogem tanto da nossa realidade, é bem legal pegar um livro e conseguir imaginar os lugares, entender bem os ditados populares e as citações usadas, saber o que é Cachaça e seus derivados, rir ao ler algo como "pururuca" e se você for de São Paulo vai se familiarizar mais ainda. 

Ps: Uma coisa que me deixou intrigada, eu pensei o tempo todo que a mulher que ilustra a capa do livro fosse Laura, mas em uma parte do livro fiquei um pouco confusa e passei a acreditar que seja uma outra personagem, eu devo ter deixado passar alguma coisa.





13 Comentários

  1. Tenho amigos que são super fãs do André Vianco, eu como adoro histórias de vampiros e sobrenaturais já passei da hora de ler esse autor.
    Abraços
    Melissa Padilha
    De Coisas por Aí

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente se tu gosta da temática, está mesmo passando da hora, eu também adoro! kkkkkk

      Excluir
  2. Oie minha linda, tudo bem?
    Eu estava lendo a sua resenha e ahei super interessante esse livro do Autor.
    Até porque o único que li até agora foi O SENHOR DA CHUVA, mas acho que vou comprar o livro novo lançado de novo, porque o meu velho eu já dei e nem me lembro mais da estória pra te falar a verdade (risos)
    Outra coisa, vc já leu o livro A CASA dele ? Estou curiosa para saber se ele é terror, porque sinceramente não gosto, mas queria poder ler ele.
    Quanto a sua resenha, eu achei interessante esse livro ai, mas nunca tinha visto esse título do André Vianco. Só conhecia um dele mesmo.
    Mas eu vou procurar saber mais sobre ele para que eu possa ler.
    Parabéns viu ?!
    Saudades de ti amiga
    Se cuida

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não li "A Casa" mas se você conseguiu passar por "O senhor da chuva" sem sentir medo ou desconforto eu acho que os outros títulos do Vianco não vão te incomodar, eu tenho "A Casa" aqui e como é um livro curto vou coloca-lo na lista dos livros desse mês e ai faço uma resenha, mas pela sinopse e comentários da capa acho que se trata mais de um suspense sobrenatural, não sei se você gosta, mas aguarde minha resenha! :D

      Obrigada pela visita viu!

      Excluir
  3. Nunca li um livro do André Vianco, não sou muito chegada em vampiros e sei que ele é rei deles.
    Ainda bem que mesmo depois de tanto tempo você o tirou da estante.
    Adorei a forma que falou sobre o livro.

    Beijos
    Fernanda - Leitora Incomum

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou o contrário, eu amo Vampiros! kkkkkkk

      Excluir
  4. Oi Andy, nossa, sou como você. Tenho livros guardados na estante em que comprei há anos e até agora não li.. que tristeza :o( hehe Nunca li nada do André, mas só escuto falar bem da escrita dele. A sua resenha me deixou super curiosa. Adoro livros de suspense e policiais e este parece ser bem interessante. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente eu tenho alguns aqui que eu nunca li, mas eu vou ler em breve, é que sempre vão aparecendo coisas mais interessantes na frente! kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      André é muito bom sim, vale a pena ler!

      Excluir
  5. Eu tenho muita curiosidade de ler algo do Vianco, mas não sei por onde começar, tenho medo de acabar de me perdendo nas histórias dele. Esse livro parece ser muito bem, talvez eu arrisque começar por ele *-*

    Beijoos;
    Lizz
    http://livrosecores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "O caso Laura" é ótimo para começar, recomendo também "O senhor da chuva" vale dar uma boa conferida nos outros trabalhos dele!

      Excluir
  6. Oieee!!
    Eu adorava os livros do André, sério mesmo! O primeiro que li foi "O senhor da chuva" e me apaixonei! Aí fui correndo comprar Os Sete e me apaixonei mais ainda até comprar "Sétimo" e etc. Mas o conheci na Bienal e fiquei meio desapontada, ele não foi tão simpático como eu imaginava.

    Acredite ou não mas isso me desanimou a comprar e ler os outros livros dele, apesar de ser um bom escritor.
    Esse não é o primeiro livro que tem Osasco como ambientação da história e acho bacana quando o escritor encontra um ponto como cenário principal. Mas sempre no mesmo lugar às vezes pode incomodar o leitor, né?

    Adorei a resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, mas tem vários outros livros dele que são ambiemtados fora de Osasco e até fora de SP... Sobre simpatia, acho que temo que pensar quw talvez ele não estava em um dia bom, quando eu conheci ele em Campinas ele foi super simpático e até falou sobre Anne Rice comigo, pode ser que no dia que você viu ele algo o estava encomodando sei lá, todos mudamos de humor constantemente!

      Excluir
  7. Gostei da sua resenha, sou uma amante do Vianco leio tudo que ele publica quando não estou atolada em muitas coleções e livro que preciso da mais atenção. A proposta dele nesse livro de abortar dos vampiros e fala um pouco de anjos e seres que fogem do habitual dele. Gosto bastante da trama da Laura de como ela sofre e se reanima com tanta elegância. Gostei bastante do seu blog.


    http://domeumundo-aoseumundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

E você o que achou?